Mosaico
Search
K

Ética

Os algoritmos e os dados são isentos de vieses éticos?
Assegura mecanismos efetivos de mitigação de vieses inesperados, diminuindo desta forma possíveis riscos éticos
Embora com evidente potencial de orientar serviços e aumentar a eficiência e eficácia das instituições governamentais, a consciencialização de riscos inerentes à implementação de Inteligência Artificial é perentória. Tal é indissociável de uma aplicação responsável e ética, ponderada em função do contexto e abordada metodicamente.
A confiança em sistemas com IA aumenta com:
• Uma abordagem previsível e transparente;
• A compreensão da sua complexidade;
• O objetivo primordial de criar benefício, aumentar o poder individual e a proteção do indivíduo e dos bens comuns à sociedade.
Uma estrutura legal robusta não é suficiente per se e deve ser acompanhada de um código de ética.
Este permitirá a projeção de um conjunto de valores, princípios e diretrizes que acompanhem os desenvolvimentos tecnológicos, bem como, os elementos sociais e políticos associados.
A sua aplicação deve estar assegurada em todas as fases do ciclo de um sistema com IA e deve ser cumprida por todos os indivíduos associados.
Os princípios éticos da IA estão em consonância com os princípios éticos para qualquer iniciativa de dados. Releva-se: o respeito pelo homem, o respeito pelos direitos humanos, a participação e a responsabilidade pelas escolhas e decisões.